Poema colorido

Verde é este poema que nos devolve a esperança
Azuis os seus versos onde a minha alma dança
Branco é o silêncio magistral e profundo
De vermelho se veste a raiva que dura um segundo
Cinzentas são as nuvens num dia de tempestade
E de negro se cobre o rosto dos que não encaram a verdade
Rosa é a fragrância das mais belas flores
Violeta é a rainha de todas a cores.

Filipa Moreira da Cruz

Photos : Filipa Moreira da Cruz

12 réflexions sur “Poema colorido

Les commentaires sont fermés.