Animais à solta

A Natureza está louca
Virada de pernas para o ar
Os animais estão à solta
A rir, a correr, a brincar
No parque ou no jardim
Até os pinguins fugiram do frio
Parecem estátuas a olhar para mim
Pensando que o mar é rio
O urso não baixa a guarda, vigia
O coelho esconde-se do leopardo
O burro cuida da sua cria
E o puma corre como um desalmado
A Natureza comanda
Os animais obedecem
Entram felizes na dança
Que os humanos desconhecem.

Filipa Moreira da Cruz

Photos : Filipa Moreira da Cruz

15 réflexions sur “Animais à solta

Les commentaires sont fermés.