Crianças hiperativas ou pais hiper passivos?

Nos dias de hoje, « qualquer diferença torna-se uma patologia ». Quem o disse foi o pedopsiquiatra francês Thierry Delcourt. Segundo o mesmo, nos últimos 15 anos, o número de crianças diagnosticadas como hiperativas ou autistas aumentou consideravelmente e as políticas dos atuais governos contribuem (e muito!) para esta triste realidade. Em certos Estados Norte Americanos, 25% dasLire la suite « Crianças hiperativas ou pais hiper passivos? »

Details

A child laughingThe petal detaching from the flowerAn old lady smilingThe sun shiningA leaf dancing in the windThe seasons passing byAn old man grumblingThe foaming wave rolling A bird singingThe clouds clearing the skyA fruit falling from the treeThe world spinning aroundWhat is life after allIf not a sum of details? Filipa Moreira da CruzLire la suite « Details »

Êxodo urbano

Durante vários séculos, a população trocou o campo pela cidade em busca de melhores condições de vida. Quando a terra deixava de ser fértil, voltavam-se as costas ao verde e abraçava-se o cinzento da metrópole. A tecnologia e a indústria prometiam sucesso e prosperidade. Mas nem todos se deixaram seduzir pela vida urbana e háLire la suite « Êxodo urbano »

Blue thoughts

Is it the end of the world as we used to know it?Are we all going crazy?Am I feeling too blue?Or being pessimistic?What are we waiting for?To cherish the ones we love?To take care of Mother Earth?Who are we to blame but ourselves?Until the sky is blue and the sea is aliveThere’s hope. Filipa MoreiraLire la suite « Blue thoughts »

Pangeia

E se não existissem fronteirasMarítimas, terrestres ou aéreas?E se houvesse uma única bandeiraDe várias cores e tamanhos?E se navegássemos todosNo imenso mar?E se comunicássemos Na mesma língua?E se fossemos apenasSeres humanos e imperfeitos?E se cuidássemos do nosso planetaComo se fosse a nossa última morada?E se deixássemos de terPara nos concentrarmos na essência do ser? FilipaLire la suite « Pangeia »

Identidades

Há uns dias, uma amiga ligou-me para partilhar uma boa notícia: acaba de obter a nacionalidade australiana. A meio da conversa disse-me que já não se sente apenas francesa, é uma mistura. Talvez só quem tenha passado vários anos num país que não é o seu a possa entender. De qualquer forma, até os queLire la suite « Identidades »

Déracinés

La vérité est plus éloignée de nous que la fiction. Mark Twain Les arbres envahissent l’asphalteOu bien ce sont les villes qui engoufrent la nature?Les humains sont-ils maléfiquesOu de naïves créatures?Liberté à tout prixOu aprivoisement ultime et nécessaire?Cris de peur et de souffranceOu de révolte et de colère?Les hommes passentLa nature résisteQuand la réalité nousLire la suite « Déracinés »

Estará o trabalho tradicional em vias de extinção?

Quando o meu filho tinha nove anos a professora pediu para responder à pergunta da praxe: o que é que queres ser quando fores grande? O meu filho escreveu « não sei o que vou ser quando for grande porque a minha profissão ainda não existe e penso que não terei apenas uma profissão, mas várias. »Lire la suite « Estará o trabalho tradicional em vias de extinção? »

Créez votre site Web avec WordPress.com
Commencer