Três noites e dois dias

Desta vez, nem tive tempo de abraçar a minha Lisboa. Acabada de aterrar, fui para Tomar, a cidade que os meus pais escolheram para viver depois de mais de 60 anos na capital. O calor abrasador baralhou-me o discurso. Nem para falar tinha energia. Já não me lembrava do que eram 42°C à sombra! ALire la suite « Três noites e dois dias »

A importância da língua materna

Todos os anos, a 21 de Fevereiro, celebra-se o Dia Internacional da Língua Materna. Esta data foi aprovada pela Assembleia Nacional das Nações Unidas em 2002, embora tenha sido anunciada, pela primeira vez, em 1999, em homenagem ao Paquistão. Este país foi criado em 1947 e, na altura, o governo decidiu que o urdu seriaLire la suite « A importância da língua materna »

Poema

Em prosa ou em versoDe estrofes soltas ou emparelhadasCom rimas seguidas ou cruzadas.Um cheiro, uma paisagem, um olharUm quadro, um sorriso, uma melodia.Íntimo ou partilhadoReal ou fruto da nossa fantasia.Escrito, pintado, cantado, sentidoO que seria de nósSem um poema por dia? Filipa Moreira da Cruz

« Please, call me Brad! »

As férias da Páscoa estão a chegar ao fim. E que férias! Todos os dias parecem domingos de Inverno, longos e preguiçosos. Para tornar o cenário mais credível a temperatura baixou e a chuva tem-nos feito companhia. E temos tempo! Para contar histórias, jogar ao Cluedo e ao Monopoly, fazer puzzles, ouvir música, dançar naLire la suite « « Please, call me Brad! » »

Créez votre site Web avec WordPress.com
Commencer