Margarida

Reprise

M ãe carinhosa e presente
A vó amada
R iso solto e contagiante
G ratidão, sou abençoada!
A legria de viver a deste ser humano especial
R etribui em triplo o que recebe
I rreverente e original
D á o que tem e ainda agradece
A mor incondicional.

Filipa Moreira da Cruz

Photos : Filipa Moreira da Cruz


Beco sem saída

Reprise

Photo : Filipa Moreira da Cruz

Estou num beco sem saída
Encurralada entre quatro paredes
Caminho num túnel sem luz
E a solidão é a minha única companhia

Tu crias a tua melodia
Tu voas com as tuas próprias asas
Tu pintas o teu quadro

Certas palavras são carícias para os ouvidos
Outras apenas ruído
Tu escolhes as que queres ouvir

Há gestos que curam as feridas mais profundas
Outros quase matam, de tão bruscos
Tu escolhes os que queres receber

Tu escreves o teu livro
Tu desenhas o teu esboço
Tu traças o teu caminho

Algumas imagens trazem paz
Mas tantas apenas humilham
Tu escolhes as que queres ver

Existem pessoas que iluminam
Outras que só partilham escuridão
Tu escolhes as que queres ter na tua vida

Não estás num beco sem saída
Não caminhas na sombra
Tens o coração sempre contigo.

Filipa Moreira da Cruz

Lado lunar

Photo : Filipa Moreira da Cruz

Tu és sol, alegria, vida
A minha luz, o meu guia
Conheço o teu riso
Adoro as tuas gargalhadas
O teu humor, as tuas charadas
Está na hora de partilhares os teus medos
Quero perder-me nos teus segredos
Mais íntimos e profundos
Sejamos apenas um
Não tenhas receio
O amor também é feito
De dúvidas e incertezas
São elas que nos dão forças
Para continuar o caminho
Comigo nunca estarás sozinho
Apaixonei-me pelo teu lado solar
Mas prefiro enamorar-me do teu lado lunar.

Filipa Moreira da Cruz



Margarida

M ãe carinhosa e presente
A vó amada
R iso solto e contagiante
G ratidão, sou abençoada!
A legria de viver a deste ser humano especial
R etribui em triplo o que recebe
I rreverente e original
D á o que tem e ainda agradece
A mor incondicional.

Filipa Moreira da Cruz

Photos : Filipa Moreira da Cruz


Lado lunar

Photo : Filipa Moreira da Cruz

Tu és sol, alegria, vida
A minha luz, o meu guia
Conheço o teu riso
Adoro as tuas gargalhadas
O teu humor, as tuas charadas
Está na hora de partilhares os teus medos
Quero perder-me nos teus segredos
Mais íntimos e profundos
Sejamos apenas um
Não tenhas receio
O amor também é feito
De dúvidas e incertezas
São elas que nos dão forças
Para continuar o caminho
Comigo nunca estarás sozinho
Apaixonei-me pelo teu lado solar
Mas prefiro enamorar-me do teu lado lunar.

Filipa Moreira da Cruz



Beco sem saída

Photo : Filipa Moreira da Cruz

Estou num beco sem saída
Encurralada entre quatro paredes
Caminho num túnel sem luz
E a solidão é a minha única companhia

Tu crias a tua melodia
Tu voas com as tuas próprias asas
Tu pintas o teu quadro

Certas palavras são carícias para os ouvidos
Outras apenas ruído
Tu escolhes as que queres ouvir

Há gestos que curam as feridas mais profundas
Outros quase matam, de tão bruscos
Tu escolhes os que queres receber

Tu escreves o teu livro
Tu desenhas o teu esboço
Tu traças o teu caminho

Algumas imagens trazem paz
Mas tantas apenas humilham
Tu escolhes as que queres ver

Existem pessoas que iluminam
Outras que só partilham escuridão
Tu escolhes as que queres ter na tua vida

Não estás num beco sem saída
Não caminhas na sombra
Tens o coração sempre contigo.

Filipa Moreira da Cruz