Quem disse…?

Quem disse que a água não tem sabor?
Que o silêncio não se ouve?
E que tudo tem cheiro?
Quem disse que a relva é verde?
Que o céu é azul ou cinzento?
E que as nuvens são brancas?
Quem disse que sucesso é ter dinheiro?
Que não fazer nada é preguiça?
Que solidão é estar só?
Quem disse que o amor não dói?
Que apenas os gatos têm sete vidas?
Que a vida já está traçada?
Quem disse tudo isso e mais ainda?

Filipa Moreira da Cruz

Love and hope!

Photo : Filipa Moreira da Cruz

Dear friends,

Tomorrow I’m going to Portugal for a couple of days. It will be short, but intense.

Saint-Malo – Rennes – Paris – Lisbon

The journey will be long, but definitely worth it. I’ve been counting the days.
Unfortunately, I couldn’t be with my mother, as she is at the hospital again, but she’s always in my thoughts and even in my attitudes because we are so alike!

I won’t carry any luggage, but my heart is full of love and hope.
All I ask is time. I’ll take care of the rest.

I won’t have access to the blog. We’ll catch up when I’ll be back. My priority is my family. I’m sure you’ll undertstand. I have already scheduled some posts. I hope you like them.

Be safe! Be happy!

Filipa Moreira da Cruz

Fly away!

Photo : Filipa Moreira da Cruz

Adoro viajar! O avião e o comboio são os meus transportes favoritos. E amanhã vou ter uma dose dos dois! Saint-Malo – Rennes – Paris – Lisboa. A expedição vai ser longa, mas quem corre por gosto não se cansa.

Tirei esta fotografia há vários anos, num voo de San Sebastian a Lisboa. Ah, Lisboa… Regresso amanhã sem bagagem, mas com uma mala invisível carregada de amor e esperança. Vou oferecer beijos e abraços à família. O tão ansiado regresso!

Infelizmente, não poderei estar com a minha mãe e isso deixa-me bastante triste, mas sei que é por uma boa razão. O reencontro será ainda mais intenso. E ela está sempre presente no meu pensamento e, até mesmo, nas minhas atitudes. Se fossemos gémeas, não seríamos mais parecidas!

Estarei ausente do blog durante alguns dias porque a prioridade vai ser outra. Vou desfrutar de cada momento passado no meu país. Deixo várias publicações já programadas. Espero que gostem!

Até breve amigos!

carpe diem

Filipa Moreira da Cruz

Shadows

Before going to school
Before taking the bus to work
Before the town awakens
Before all the noise and fuss
Before the warm sun heats me
Before the waves swallow the sand
Before the seals fly over the coast
Before the moon kisses the sun
Before the shadows dissipate
Before the whole day takes me
I’m enjoying the silence.

Filipa Moreira da Cruz

Photos : Filipa Moreira da Cruz

Street Art

Speak softly, but carry a big can of paint.

Bansky

Photos : Filipa Moreira da Cruz

Happy birthday mãe!

Photo : Paul Laurent Bressin

Hoje a minha mãe faz anos. 67 invernos, primaveras, verões e outonos. Uma inspiração e fonte de amor e de resiliência. Mulher sábia, assertiva, ponderada e extremamente lúcida. Tanto que, às vezes, assusta! Nem esta maldita doença que lhe voltou a invadir o corpo a derrota.
Gosto tanto de si mãe! E peço a Deus que a mantenha neste mundo o tempo que for possível. Sem dor nem sofrimento. Sei que está pronta para a grande viagem, mas eu (ainda) não.
Parabéns mãe! E quanto aos muitos anos de vida…que se lixem! Os que já viveu intensamente ninguém lhe tira! Três dos quatro filhos estão aí consigo para celebrar este dia. Falto eu, mas estou quase a chegar.

Filipa Moreira da Cruz

Déracinés

La vérité est plus éloignée de nous que la fiction.

Mark Twain

Les arbres envahissent l’asphalte
Ou bien ce sont les villes qui engoufrent la nature?
Les humains sont-ils maléfiques
Ou de naïves créatures?
Liberté à tout prix
Ou aprivoisement ultime et nécessaire?
Cris de peur et de souffrance
Ou de révolte et de colère?
Les hommes passent
La nature résiste
Quand la réalité nous dépasse
Le monde imaginaire devient une délice.

Filipa Moreira da Cruz

Photos : Paul Laurent Bressin

Janela indiscreta

Photo : Paul Laurent Bressin

De minha janela
A vista é singela
Oiço assobios de pássaros
Coleciono pedaços
Cheiro a fragrância da Primavera
Anseio pela doce espera
Da minha janela
A história é digna de uma novela
Um vaivém de gente
Todos seguem a corrente
Um rodopio, uma azáfama
Focos, luz e fama
Da minha janela
A vida é terna e bela
O mar está sempre presente
E eu sou a sua confidente
O sol ilumina os dias mais tristes
Basta-nos coisa pouca para sermos felizes.

Filipa Moreira da Cruz

Ladybug

Luck is believing you’re lucky.

Tennessee Williams

Unexpected encounter
Who would have guessed?
You decided to sunbathe on a warm stone
Instead of lying on the soft grass
You showed up when good fortune was all I needed
And I am willing to accept all the good things life will give me.

Filipa Moreira da Cruz

Photos : Filipa Moreira da Cruz

Sentiments troublants

Photo: KaDDD

Manipulation, intrusion
Sincérité, paix
Souffrance, impuissance
Sourire, désir
Oubli, mélancolie
Vérité, éternité
Danger, regret
Sagesse, tendresse
Vengeance, urgence
Hypocrisie, nostalgie
Bonheur, douceur
Mensonge, vergogne
Dévotion, émotion
Monotonie, ennui
Adoration, révélation
Faim, épuisement
Sommeil, réveil
Envie, vie.

Filipa Moreira da Cruz

Créez votre site Web avec WordPress.com
Commencer
%d blogueurs aiment cette page :